!
Nosso site está em sua versão beta, em poucos dias poderá usufruir dele 100% completo! Fique Ligado!!!

24. VIGÉSIMO QUARTO CAPÍTULO

PENÚLTIMO CAPÍTULO


SOBRE O CAPÍTULO

Hilda fixa mexida ao rever Gaspar e deixa Djavan com bastante ciúmes. Lalá descobre que está grávida. George faz um surpreendente pedido a Ulisses.

MEGAPRO                                                                2018

REIS DA ARENA

 

CAPÍTULO 24

(Penúltimo Capítulo)

WEB NOVELA DE: Lucas Oliveira

ESCRITA POR: Lucas Oliveira

 

 

PERSONAGENS DESTE CAPÍTULO:

 

HILDA
GASPAR
KADU
JOSEFA
EMILIS
MARIELA
FAUSTO
NEON
HORÁCIO
BARTOLO
DARCY
LALÁ
PIETRO
IGOR
LETÍCIA
ZANDER
GEORGE
DJAVAN
VERIDIANA
ULISSES
ZETINHA

Participação:

RECEPCIONISTA

 

CENA 01. COPACAPANA PALACE. SALÃO DE FESTA. INT. NOITE. 

Continuação imediata do capítulo anterior. Uma enorme passarela no local. Muitas pessoas sentadas, fotógrafos e imprensa. A cortina se abre. Veridiana e Djavan aparecem e são aplaudidos por todos presentes.

VERIDIANA: Bem, quero começar agradecendo a presença de todos que estão aqui. Essa coleção é um sonho e foi um desafio pra mim. Justamente porque eu sair da zona de conforto e busquei inspiração em meios que não são os meus. E quer saber? Foi ótimo! Uma mistura de country e urbanidade vão mostrar e provar pra vocês o quanto a moda pode e deve ser plural e diversificada!

DJAVAN: Temos pessoas do meio na nossa plateia, peões e empresários renomados. Que com o tema da coleção, não poderiam faltar. Desde já agradeço a presença de todos eles. (T) As escolhas das modelos, foi, como sempre criteriosa e minuciosa. Mas hoje, garanto a vocês, o mundo conhecerá a nova grande revelação, nossa grande aposta que tem tudo pra se tornar uma grande estrela das passarelas. Então, vamos ao desfile!

Todos aplaudem. Veridiana e Djavan se posicionam ao canto. A cortina se abre. As modelos começam a desfilar. Chuva de flashs. Hilda entra na passarela. Todas as atenções se voltam para ela. Hilda caminha firme, olhar fixo até o fim da passarela. Ela vira e seus olhos vão de encontro com o de Gaspar que está sentado na plateia. Hilda para. Gaspar e Hilda se olham fixamente, paralisados.

SONOPLASTIA: Amor de Criança – Vanilda d’ Paula.

Hilda se recompõe e segue desfilando. Gaspar sentado entre Neon e Fausto. Mariela sentada ao lado de Neon. Expressão de todos notando a situação. Hilda e as outras modelos saem da passarela. O desfile termina. Todos aplaudem. CORTA PARA/

 

CENA 02. HOTEL COPACABANA PALACE. CAMARIM. INT. NOITE.

SONOPLASTIA OFF. Hilda, visivelmente nervosa, bebendo água. Djavan adentra o local.

DJAVAN: Meu amor, você foi maravilhosa!

HILDA: Cê acha mesmo?

DJAVAN: Claro que sim, Hilda! Exatamente como eu imaginava.

HILDA: Djavan, eu...

DJAVAN: Você o que, meu amor?

Hilda senta-se.

DJAVAN: O que aconteceu, Hilda?

HILDA: O meu ex-namorado.

DJAVAN: O que tem ele?

HILDA: Ele era cowboy, tinha ido fazer carreira nos Estados Unidos e... Eu o vi na plateia. Eu vi o Gaspar, Djavan!

Na reação de Djavan. CORTA PARA/

 

CENA 03. HOTEL COPACABANA PALACE. SALÃO DE FESTA. INT. NOITE.

Veridiana volta ao centro da passarela.

VERIDIANA: Mais uma vez eu quero agradecer à todos os presentes. Espero que vocês tenham gostado. Viva o ser, viva o vestir, viva a moda!

Todos aplaudem novamente. Gaspar se levanta e Neon vai atrás. Mariela e Fausto se entreolham. CORTA PARA/

 

CENA 04. HOTEL COPACABANA PALACE. QUARTO. 928. INT. NOITE.

Gaspar adentra o local, seguido por Neon.

GASPAR: Era ela, cara!

NEON: Eu sei, Gaspar. Eu vi.

GASPAR: Tava tão linda, tão completa.

NEON: Gaspar, Gaspar... A Hilda é página virada na sua vida. Não entendo porque você tá tão abalado se cê já tinha superado. Não esquece que agora você tá com a Kate.

GASPAR: Eu sei, cara. Mas parece que o destino gosta de contrariar. Como é possível uma coisa dessas? A Hilda sair de Touro Bravo e tá desfilando justamente nesse desfile?

NEON: Um desfile propício, com referências country. A Hilda é linda e desfilou muito bem. Ela deve ter enjoado da vida que tava vivendo e veio tentar a sorte, se inscreveu ou sei lá.

GASPAR: O que será que motivou ela? Será que ela sofreu o término do nosso namoro por muito tempo?

NEON: Isso não importa! A gente veio pra cá apenas para assistirmos esse evento. Vamos passar a noite aqui e amanhã nós vamos embora. A Hilda não te interessa mais, meu amigo.

GASPAR: Eu vivi uma história muito forte e bonita com a Hilda, Neon. É impossível não ficar mexido ao revê-la. É impossível!

Gaspar senta-se na cama, visivelmente pensativo. CORTA PARA/

 

CENA 05. HOTEL COPACABANA PALACE. QUARTO. 200. INT. NOITE.

Hilda e Djavan adentram o local. Ela se joga na cama. Ele fecha a porta.

HILDA: Eu quero ir embora!

DJAVAN: Cê tá maluca, Hilda? A gente não pode ir agora. Temos que ficar aqui pelo o menos até amanhã. c

HILDA: (Enfia a cara no travesseiro) Ai, meu Deus!

Djavan senta-se na cama.

DJAVAN: Cê precisa pensar é no sucesso que foi o seu primeiro desfile. Todo mundo te adorou e a Veridiana amou seu desempenho.

HILDA: (Retira o rosto do travesseiro) É...

DJAVAN: Hilda, meu amor, olha pra mim e me responde: O fato de você ter visto o Gaspar mexeu com você de alguma maneira?

HILDA: Não, Djavan! Quer dizer... Ah, sei lá. É confuso pra mim. Eu pensei que eu nunca mais fosse vê o Gaspar novamente. Passa milhões de coisas na minha cabeça.

DJAVAN: Eu espero que entre essas coisas, não esteja a dúvida.

HILDA: Jamais, amor. Jamais! É exatamente essa a minha única certeza: Que eu te quero, que eu quero ficar com você pra sempre, sempre, sempre, sempre!

Hilda abraça Djavan fortemente, apertando-o. CORTA PARA/

 

CENA 06. HOTEL COPACABANA PALACE. QUARTO 929. INT. NOITE.

Mariela deitada na cama. Neon adentra o local.

MARIELA: Aonde cê tava, meu amor?

NEON: Eu tava aí no quarto do Gaspar. O Fausto ainda tá lá embaixo?

MARIELA: Não. Ele também já subiu. (T) Eu fiquei de queixo caído quando eu vi a Hilda naquela passarela. É muita coincidência!

NEON: Eu também, Mari. Tô começando a questionar se realmente foi uma boa ideia a gente ter vindo assistir esse desfile.

MARIELA: Cê sabe o que aconteceu pro Gaspar levantar daquele jeito, tão abalado?

NEON: Ele namorou a Hilda, né?! E você sabe bem disso. É lógico que ele ficou mexido. Eu só espero que ele não enfie os pés pelas mãos.

MARIELA: Eu acho que você não precisa se preocupar tanto assim.

NEON: O Gaspar combina muito mais com a Kate. Os dois falam a mesma língua, gostam das mesmas coisas e tem amor pela a mesma profissão. A Kate é uma peoa sensacional. Já o Gaspar e a Hilda eram totalmente opostos.

MARIELA: Eu também acho!

NEON: Eu já falei com ele, então, a minha parte eu já fiz! (T) Eu vou tomar um banho e dormir. Tô morrendo de sono.

Neon adentra o banheiro do quarto. Mariela pega o celular sobre o criado-mudo e começa a discar.

MARIELA: Alô?!

Na ação. CORTA PARA/

 

CENA 07. TOURO BRAVO. EXT. NOITE.

PANORAMA da pequena cidade. CORTA RÁPIDO PARA/

 

CENA 08. CASA DE EMILIS. QUARTO DE EMILIS. INT. NOITE.

Emilis deitada na cama falando ao celular.

EMILIS: E a psicologia?

MARIELA: (OFF) Vou continuar exercendo. Mas agora, em terras americanas.

EMILIS: Se você tá no Rio, tem que vim aqui me ver, Mariela.

MARIELA: (OFF) Eu não sei se eu conseguir. Mas eu vou tentar. Agora que eu tô namorando o Neon...

EMILIS: Pois é. Eu ainda não tô acreditando nisso. Você namorando um peão. Quem diria, né?!

MARIELA: (OFF) Ué, e qual o problema?! Eu nunca vi problema algum. Acontece que quando eu tava aí, não tinha muita aproximação com os meninos. Mas quando eu cheguei nos Estados Unidos, em um evento de Rodeio, quis o destino que eu me encontrasse com o Neon.

EMILIS: E aí?

MARIELA: (OFF) A gente se reconheceu por sermos da mesma cidade, aí fomos conversando e ficando cada vez mais íntimos. E agora tamos aqui, juntos. E quer saber? Estou muito feliz!

EMILIS: Que bom, Mari. E eu fico feliz por você.

MARIELA: (OFF) E aquele seu impasse com o Yuri? Resolveu?

EMILIS: Eu ainda tô pensando, Mariela. Ainda tô decidindo o que eu vou fazer.

MARIELA: (OFF) Olha lá, Emilis. Acho melhor se resolver logo. O tempo não espera, minha amiga. Ele não espera!

EMILIS: Eu sei, Mari. Eu sei bem disso.

Em Emilis, visivelmente pensativa. CORTA PARA/

 

CENA 09. CASA DE PIETRO. QUARTO DO CASAL. INT. NOITE.

Pietro e Lalá sentados na cama.

PIETRO: Você tem certeza disso, Lalá?

LALÁ: Não, amor. Certeza eu não tenho. Eu disse que acho que estou grávida porque a menstruação ainda não chegou, tá atrasada. E eu tô sentindo muito sono, fome excessiva...

PIETRO: Então trata de comprar um teste de gravidez e amanhã mesmo tira essa dúvida.

LALÁ: Cê gostou?

PIETRO: Mas é claro que sim, meu amor. E não vejo a hora de escolher o nome do bebê. Sempre sonhei com esse momento. E ter um filho com a mulher da minha vida é tudo que eu queria. Finalmente o meu sonho de formar uma família tá começando a se realizar. E se Deus quiser, o resultado vai ser positivo!

LALÁ: Ah, meu amor. Eu te amo tanto! EU TE AMOOOOO!

Lalá se joga sobre Pietro e os dois se beijam intensamente. CORTA PARA/

 

CENA 10. QUARTO DE HOTEL. INT. NOITE.

Ulisses e George sentados na cama.

GEORGE: Você é assexuado, Ulisses?

ULISSES: Exatamente!

GEORGE: Nossa!

ULISSES: Eu não sinto falta de sexo em hipótese alguma. Mesmo namorando, mesmo em um relacionamento, se o sexo não existir, não faz a menor diferença pra mim.

GEORGE: Bom, eu dou valor aos sentimentos, e como falei, praticar quando se sente algo além pela pessoa é o melhor jeito. Não chego a ser assexuado, mas sexo também nunca foi prioridade, fundamental pra mim.

ULISSES: (Sorri) Então eu acho que a felicidade realmente tá começando a bater na minha porta. Vamos fazer desse nosso momento um momento marcante?

GEORGE: Como assim?

Ulisses pega o controle remoto e liga a TV.

ULISSES: Topa assistir um filme comigo?

GEORGE: Filme?

ULISSES: É. Me ajuda a escolher um?

GEORGE: (Sorrindo) Tá.

ULISSES: Ótimo. Então deita mais pra lá.

George se reposiciona na cama. Ulisses deita ao lado de George. Os dois se entreolham e sorriem. CORTA PARA/  

 

CENA 11. CASA DE BARTOLO E DARCY. QUARTO DO CASAL. INT. NOITE.

Bartolo deitado na cama. Darcy em pé.

DARCY: E o fisioterapeuta me garantiu, meu amor, que você vai voltar a andar, sim!

BARTOLO: Mas isso não é pra agora. Não vai ser do dia pra noite, Darcy. Vai ser aos poucos. E eu não tô aguentando mais!

DARCY: Oh meu amor... Mas eu tô aqui. E eu te amo. Cê sabe disso.

BARTOLO: Já tem um tempão que eu não... Que você não... Cê sabe. E tudo porque eu ainda tô aqui, enterrado nessa cama, inválido.

DARCY: Para com isso, Bartolomeu!

Darcy senta-se sobre Bartolo e começa a beija-lo.

DARCY: (Ao pé do ouvido) Tem muitos outros jeitos de fazer isso. Eu vou te mostrar, meu amor, que você é muito mais que útil. Você é completo!

BARTOLO: Darcy, eu/

DARCY: (POR CIMA) Xiiiiiiiu!

Darcy beija a boca de Bartolo, vai descendo lentamente. Ela beija o pescoço, passa pela barriga e continua descendo. FOCO no rosto de Bartolo que começa a sorri e a se contorcer de prazer. CORTA PARA/

 

CENA 12. QUARTO DE HOTEL. INT. NOITE.

Ulisses e George deitados na cama, bem juntos, estão entretidos assistindo o filme enquanto comem biscoitos. Eles riem, se divertem. CORTA PARA/  

 

CENA 13. MANSÃO SANTANA. QUARTO DE HORÁCIO. INT. NOITE.

Horácio deitado na cama, visivelmente pensativo. Clima melancólico. CORTA PARA/

 

CENA 14. MANSÃO SANTANA. QUARTO DE EMPREGADA. INT. NOITE.

Zetinha sentada na cama falando ao celular.

ZETINHA: Vem aqui de novo, meu filho. Cê tá tão perto. Não pode agir como se tivesse longe, não.

IGOR: (OFF) Eu tô aqui no hotel com a Rafaela, mãe. Cê sabe. Querendo vim me visitar, é só avisar. Mas a senhora não quer sair um minuto daí.

ZETINHA: Não é falta de querer, meu filho.

IGOR: (OFF) Parece até que o Horácio é uma criança que você tem que ficar 24 horas tomando conta.

ZETINHA: Não se trata disso, Igor. Tá acontecendo tanta coisa que cê nem tem noção. E o Seu Horácio tá sozinho aqui. Eu preciso ficar ao lado dele, apoiá-lo.

IGOR: (OFF) Bom, eu e a Rafa estamos procurando uma casa, um cantinho pra gente.

ZETINHA:  Isso quer dizer que cês vão ficar aqui pra valer?

IGOR: (OFF) Exatamente, Dona Zetinha!

ZETINHA: Ah, que maravilha, meu filho! Essa é a melhor notícia que você podia me dá. A melhor notícia!

Em Zetinha, radiante. CORTA PARA/           

 

CENA 15. CASA DE LETÍCIA. COZINHA. INT. NOITE.

Letícia e Zander à mesa, jantam.

LETÍCIA: E o que você achou do seu primeiro dia de trabalho lá na loja, Zander?

ZANDER: Por incrível que pareça, eu achei ótimo! Me deu uma sensação de ser útil, de ter algo pra fazer, de somar em alguma coisa, de estar bem e vivo!

LETÍCIA: Eu sabia que você ia sentir isso, meu amor. O trabalho é um estimulante!

ZANDER: Com certeza! Provoca uma inquietação na mente, uma vontade de fazer, de viver. E também faz a gente esperar com ainda mais ânimo pôr os momentos de não fazer nada.

LETÍCIA: E o Pietro te explicou tudo que cê teve dúvida?

ZANDER: Sim. Ele é muito gente boa.

A conversa continua em OFF. CORTA PARA/

 

CENA 16. OURO BRAVO. EXT. NOITE.

SONOPLASTIA: Simplicidade – Pato Fu.

Planos gerais. AMANHECE. CORTA PARA/

 

CENA 17. CASA DE PIETRO. SALA. INT. DIA.

SONOPLASTIA OFF. Pietro andando de um lado para o outro, visivelmente agoniado. Lalá vem de dentro.

PIETRO: E então, qual foi o resultado, amor?

Lalá faz cara de paisagem.

PIETRO: (Apreensivo) FALA!

LALÁ: EU TÔ GRÁ-VI-DÁ!

PIETRO: Sério?

LALÁ: Deu positivo, amor. Deu positivoooooo!

SONOPLASTIA:  Um Anjo veio me Falar – Rouge.

Lalá pula sobre Pietro que a pega no colo. Eles se beijam, vibram. Pietro joga Lalá sobre o sofá e deita em cima dela.

PIETRO: (Sorridente) Que felicidade, meu amor. Agora já somos três!

LALÁ: Já podemos começar selecionar os nomes.

PIETRO: Eu tenho várias sugestões pra nome de menino e menina. Mas é claro que eu quero que seja um homem.

LALÁ: Eu tinha certeza disso.

PIETRO: Claro! E vai ser um homão que nem o papai aqui.

LALÁ: HAHA. Convencido! (T) Meu príncipe lindo!

PIETRO: Minha princesa embuchadinha!

Lalá dá um leve tapa no ombro de Pietro. Eles se beijam calorosamente. CORTA PARA/  

 

CENA 18. QUARTO DE HOTEL. INT. DIA.

SONOPLASTIA OFF. Ulisses e George deitados na cama. George acorda. Ulisses sorri.

GEORGE: (Boceja) Nossa! Que hora é essa?

ULISSES: Já é de manhã. E eu tava aqui te observando enquanto cê dormia. Cê dorme tão bonito...

GEORGE: A gente assistiu tanto filme que eu dormi e nem vi a hora passar.

ULISSES: E se arrependeu?

GEORGE: Claro que não! Eu adorei a noite. A gente se divertiu muito, Ulisses. Acho que há muito tempo eu não tinha uma noite tão leve, tão divertida e tão natural assim.

ULISSES: Eu senti a mesma coisa. (Levantando-se) Eu vou pedir pra trazerem logo o café da manhã.

George segura Ulisses pelo braço.

GEORGE: Espera aí!

ULISSES: Mas cê não tá com fome?

GEORGE: Primeiro eu quero te perguntar uma coisa antes, Ulisses.

ULISSES: Que coisa?

GEORGE: Ulisses... Eu acho que a vida tá querendo me ver sorrindo novamente. E saber que eu também consegui te fazer sorrir só em eu ser eu mesmo, me fez ter ainda mais certeza disso. Por tanto eu queria te fazer um pedido.

ULISSES: Pedido?

GEORGE: É. Ulisses... (Respira fundo) Ulisses, cê aceita namorar comigo?

Na reação surpresa de Ulisses. CORTA PARA/

 

CENA 19. RIO DE JANEIRO. EXT. DIA.

SONOPLASTIA: Peço Só – Danilo Moura.

Planos gerais de diferentes pontos turísticos da cidade. CORTA PARA/

 

CENA 20. HOTEL COPACABANA PALACE. QUARTO. 505. INT DIA.

SONOPLASTIA OFF. Kadu deitado na cama. Josefa em pé.

KADU: Cê tem certeza, Dona Josefa?

JOSEFA:  Claro! Eu vi com esses olhos que um dia vão virar cinzas. A Hilda era uma das modelos. E tava lá desfilando e arrancando a atenção de todos ontem. Foi a mais fotografada, Kadu. Eu assistir o desfile todo e vi até o Gaspar, o Neon, o Fausto e a Mariela também sentados na plateia.

KADU: Não acredito nisso! Gente... Mas o que mais me espanta é Hilda. Quem diria que aquela demente choradeira, aquela chata de galocha, fosse evoluir.

JOSEFA: Eu te chamei, mas você não quis descer pra assistir ao desfile...

KADU: Eu estou pouco me importando com a Hilda. Quero mais é que ela e aquele pai dela se explodam!

JOSEFA: O Horácio não cedeu?

KADU: Não. Aquele maldito tá irredutível! E o pior é que ele me disse que vai se entregar.

JOSEFA: Ele vai mesmo se entregar? Meu Deus!

KADU: É um desgraçado!

JOSEFA: Mas e agora, Kadu?

KADU: Agora a gente vai ter que arranjar um novo rumo, mamãe.

JOSEFA: Só resta saber qual.

KADU: O dinheiro não vai durar pra sempre e a nossa casa lá em Touro Bravo não vale tanto assim. É uma casa velha, mal acabada, mal conservada...

Josefa senta-se na cama.

JOSEFA: A gente não merece isso. Somos pessoas tão boas.

KADU: Será mesmo, mamãe?

JOSEFA: Claro, não somos anjos de candura, mas perto de muitos por aí, somos maravilhosos! Só queremos ser felizes com um pouco de luxo. Qual o mal nisso?

KADU: Pra isso, ou a gente se garante logo ou o nossa garantia será a total ruína!

Em Josefa, visivelmente preocupada. CORTA PARA/

 

CENA 21. HOTEL COPACABANA PALACE. QUARTO 200. INT. DIA.

Djavan deitado na cama, dormindo. Hilda em pé, vestindo-se. Ela pega a bolsa e sai do local com passos lentos. CORTA PARA/

 

CENA 22. HOTEL COPACABANA PALACE. QUARTO 929. INT. DIA.

Mariela dormindo. Neon ao lado visivelmente pensativo. Mariela acorda.

MARIELA: Já acordou, amor?

NEON: Nem dormir direito, Mari.

MARIELA: Porque?

NEON: Fiquei pensando nesse lance da Hilda tá aqui no hotel.

MARIELA: Eu sei que você e o Gaspar são amigos, mas também não é pra tanto, né?! Deixar de dormir por causa disso já é demais!

NEON: O Gaspar ficou mexido e eu tô preocupado com o que pode acontecer.

MARIELA: Como cê mesmo falou; a sua parte cê já fez! Agora o resto só compete ao Gaspar. Ele que vai decidir como agir.

NEON: Tomara que ele coloque na balança tudo que tá em jogo e o que ele pode perder.

MARIELA: Ele vai colocar, sim.

NEON: A Kate é uma mulher maravilhosa. E correr o risco de perdê-la seria burrice!

MARIELA: A Kate é maravilhosa e o que mais?

NEON: Mais nada! (Sorri) Deixa de bobagem, meu amor. Você é minha estrela insuperável!

Neon beija Mariela com ímpeto. CORTA PARA/

 

CENA 23. HOTEL COPACABANA PALACE. RECEPÇÃO. INT. DIA.

Gaspar em frente ao balcão.

RECEPCIONISTA: E o senhor vai embora?

GASPAR: Eu vou! O Hotel é maravilhoso, o motivo não é esse.

RECEPCIONISTA: Eu compreendo.

GASPAR: Por favor, avise ao Fausto Araújo, tá?

RECEPCIONISTA: E porque o senhor mesmo não avisa, já que você e o Neon Barreto vieram juntos com ele?

GASPAR: É que eu...

Hilda passa rapidamente por Gaspar. Os dois se olham. Ela desvia o olhar rapidamente e segue. Gaspar a intercepta.

GASPAR: (Segurando-a pelo braço) Hilda!

Os dois se encaram fixamente. CORTA PARA/

 

FIM DO CAPÍTULO!

 

Créditos sobem ao som de: Amor de Criança – Vanilda d’ Paula.