18

NOVELAS

ANTES DO FIM

SEM TEMPORADAS

COMPLETO


Com a vida arruinada, por uma desconhecida, Samantha é obrigada a voltar para casa como derrotada, mas o destino lhe confere a chance de dar o troco e sentir o doce sabor da vingança. Conheça a história de Samantha e Laura, duas mulheres diferentes que partilharão a mesma vida.

Tiago Machado
AUTOR

15. DÉCIMO QUINTO CAPÍTULO

Pela última vez Samantha se olhou no espelho. Tudo estava impecável. Ela estava bastante curiosa para saber o que de fato Sandro queria e mesmo que ele tivesse muito a oferecer e fosse o cara mais bonito do mundo, ela não largaria Mizael. Ela precisava dele para alcançar seu objetivo.

O apartamento estava pronto. Agora ela morava luxuosamente, com todo conforto, ostentava na mão direita um pesado anel de noivado. Logo Samantha e Laura estariam face a face. Só que dessa vez Samantha seria a convidada. Quem sai por último apaga a luz e tranca a porta.

O restaurante era sublime, toalhas de ceda, ambiente agradável, pessoas bonitas. Sandro esperava por Samantha no bar, ela se aproximou e ele prendeu a respiração. Ele penteara os poucos cabelos ao meio e passara gel, vestira um terno caro que tinha manchas de suor nas axilas. Eles foram levados para o bar enquanto a mesa ficava pronta. Sandro sorveu o conteúdo do drink de uma vez.

— Você aparenta sempre estar nervoso.

— Impressão sua.

— Engraçado, sempre tenho a mesma impressão.

— você é muito observadora. Eu achei que você tivesse apenas olhos para o Mizael.

— Eu analiso tudo. Um bom observador sempre está de olho em tudo, não só no que interessa.

Um garçom se aproximou e os conduziu até a mesa. Samantha pegou o cardápio e olhou, depois de alguns segundos disse:

— O que você sugere cavalheiro?

— A lagosta é o carro chefe deles.

— Eu acho que você quer mesmo me impressionar. E deve admitir está conseguindo, esse lugar é soberbo.

— Eu imaginei que isso fosse acontecer.

No decorrer do jantar Sandro se soltara e até conseguira fazer umas piadas, mas algo no olhar dele ainda deixava Samantha desconfortada. Foi quando ele finalmente se revelou:

— O que te atraiu no Mizael?

— Ele é divertido, atencioso. Ele tem muitas qualidades.

— Mulheres como você sempre se casam com homens como ele.

— Como são as mulheres como eu?

— Bonitas jovens e que gostam dos prazeres da vida. Casa-se com um homem mais velho, geralmente cheio da grana e depois esperam ele morrer para...

— Ficar com o que é deles.

— Quanto você quer para largar ele e ficar comigo?

— Eu não estou à venda. Eu não sou uma prostituta.

— Nãoooo. Eu não te chamei assim. Eu sei que vocês não gostam de serem chamadas assim.

Samantha olhou nos olhos de Sandro e disse articuladamente:

— Eu não sou o tipo de mulher que você está acostumado a lidar e prostituta é a senhora que te colocou no mundo.

Dito isso Samantha levantou e despejou a taça de vinho na cabeça de Sandro, girou nos calcanhares e deixou o lugar. Sandro estava vermelho e sentia dificuldades para respirar. Todos ao redor olhavam para ele. Mas ele não desistiria tão fácil, todos tinham seu preço. Bastava descobrir qual era o de Samantha.

Mizael teve que viajar a negócios, mas estaria de volta em breve. Laura já tinha dia e hora para voltar ao Brasil e Samantha seria a responsável pelo jantar de boa vindas. Ela prepararia a comida preferida de Bernardo e faria de tudo para a gradar a futura enteada. Se Laura achava que tudo correria bem. Samantha estava disposta a mostrar para ela que o que ela começara estava longe do fim.

Um dia antes da volta de Laura, Mizael já estava de volta. Ele confiava plenamente em Samantha e deixou todos os detalhes nas mãos dela.

— Eu vou confirmar o horário que a Laura vai chegar para eu mandar o motorista busca-la.

— Eu já organizei todos os detalhes do jantar. Tenho certeza que eles vão adorar.

— Impossível não gostar das coisas que você faz. Eu estou ansioso para vocês se conhecerem, vocês serão ótimas amigas.

— Eu vou fazer de tudo para que ela goste de mim. Quero ser como uma irmã.

Sandro mandou o motorista buscar Laura e o namorado. Samantha subiu para o quarto e foi se trocar. Ela estaria deslumbrante quando eles chegassem.

As horas foram passando e Samantha observava a movimentação da janela. Ela viu o carro parar em frente ao portão, o portão se abrir o carro entrar, para em frente a casa e os dois descerem. Samantha sentiu as pernas falharem quando viu Laura abraçar Bernardo. Mizael os recebeu e os levou para dentro. Laura e Bernardo foram acomodados num quarto e logo desceriam para o jantar.

Mizael entrou no quarto para avisar Samantha que a filha e o namorado haviam chegado.

— Meu bem. Eles chegaram.

— Que coisa boa, querido. Eu acabei de tomar uma aspirina para dor de cabeça. Eu vou esperar passar e já desço para me juntar a vocês.

A mesa estava posta, tudo estava organizado. Laura e Bernardo sentaram um ao lado do doutro. Mizael desceu e se juntou as filhas e convidados que já estavam sentados a mesa.

— Quer dizer que o papai está apaixonado?

— Está sim Laura. Você vai adorar conhece-la.

Mizael deu autorização para que começassem a servir. Quando Bernardo viu o prato ele se surpreendeu e disse em inglês para Laura.

— Meu prato predileto. Eu não sabia que eles preparavam por aqui.

— Meu pai pensa em tudo meu amor.

Mizael interveio e disse:

— Foi minha noiva que preparou.

(Laura) — E quando eu vou conhecer essa mulher tão prendada?

— Eu estou aqui.

Todos se voltaram para ver de quem era à voz. Mizael levantou e foi ao encontro de Samantha. Ele a abraçou e beijou.

— Laura essa é minha noiva Samantha. Samantha essa é minha filha Laura e o namorado dela Bernardo.

Os olhares se cruzaram. Samantha lançou o seu melhor sorriso para Laura e Bernardo e antes que eles pudessem dizer qualquer coisa ela disse:

— Muito prazer.



FIM DO CAPÍTULO

TODOS CAPÍTULOS